Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Muda

por rita, em 11.11.15

Conversas:

 

- Nós somos amigos, ele é uma óptima pessoa, mas estamo-nos sempre a chatear. Eu sinto que ele não me dá valor e faz-me coisas que eu não faria a ninguém, nem a ele. Já me disseram que um dia eu vou arrebentar e deixo de o aturar e esse dia está para breve...

- Se não aturarias este tipo de comportamentos de outras pessoas, porque o aturas?

- Porque tenho esperança de que ele mude

- Então e se fosse outra pessoa, se um amigo teu te explicasse que tinha um amigo de quem gostava muito mas que se sentia usado, mal tratado, por ele, o que lhe dirias para fazer?

- Diria para cortar relações com essa pessoa, porque não lhe estava a fazer bem

 

Quando gostamos de alguém mas não nos sentimos bem com ela, temos esperança que as coisas mudem.

Esperamos que essa pessoa mude para melhor.

Mude para ser a pessoa boa que é.

Mas isso não depende de nós.

 

Por mais que gostemos de alguém, por mais que queiramos que alguém mude, ela não muda porque queremos. Ela muda porque quer.

 

E não podemos ficar à espera que ela mude.

Porque ela pode nunca mudar.

Se não nos sentimos bem, então saímos.

Afastamo-nos.

Vamos embora.

Continuamos a nossa vida.

Deixar para trás uma pessoa não é fácil.

Vai custar.

Vai deixar saudades.

Vai magoar-nos.

Mas deixar para trás uma pessoa não quer dizer que não gostemos dela.

Quer dizer que gostamos mais da nossa felicidade do que da nossa dor.

Quer dizer que gostamos mais do nosso bem-estar do que o nosso sofrimento.

Quer dizer que queremos ser felizes.

 

Se alguém não te faz feliz, deixa-o.

Vai-te embora.

Faz a tua vida.

Se ela mudar, mudou.

Talvez, no futuro, possam ser amigos.

Mas agora não.

Vive a tua vida, sê feliz.

Continuarás a gostar dessa pessoa.

Continuará no teu coração.

Mas não na tua vida.

Não por agora.

Talvez, no futuro, não sei.

Mas não esperes.

Porque a tua vida não espera por ti.

 

Sai. Vai-te embora. Vive a vida. Sê feliz. E agora? O que faço sem ele? Acorda, começa o dia e depois logo se vê.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:13



Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D


Pesquisar

  Pesquisar no Blog